Formatados a seguir o programa

Somos perfeitos?  Ou somos falhos?  Na complexidade de sua construção física o nosso corpo é perfeito, mas quando nos voltamos para a espiritualidade e intelecto, reagimos de forma independente em nos manter vivos. Criamos, erramos e realizamos.

Erramos?  Não, não erramos, mas acumulamos experiências que nos fortalecem e fazem crescer e a cada tentativa falha, aprendemos nos tornando pessoas melhores.

Thomas Edison errou quantas vezes até que sua lâmpada elétrica fosse viável?  Foram mais de setecentas tentativas e não foram setecentos erros, foram setecentas maneiras de como não fazer uma lâmpada, também com isso em cada erro acumulou experiência. Exceto que em outras situações não podemos errar e isso depende da nossa eficiência e qualidade para o qual nos preparamos dentro de normas e métodos que nos conduzem ao acerto.

Mas a indagação é; O que está acontecendo com a humanidade?

Passiva, manipulada e totalmente incoerente a sua realidade e motivação, a humanidade se prolifera de modo incontrolável e desordenado colocando em risco o seu futuro.

Entidades secretas sempre agiram há séculos para não perder o controle. São grupos poderosos (Iluminatis, ou Nova Ordem Mundial). Pode ser teoria, mas pesquisas apontam que não.

São entidades secretas que reúnem os grupos mais poderosos do planeta controlam bancos, governos e todas as grandes instituições mundiais, que unidas em torno do capital formam um círculo de maldades e controle humano.

E por que acrescentam Flúor na água e nos alimentos, será realmente para que as pessoas desenvolvam uma dentição saudável como propaga a mídia? Consta nos índices que o aumento de cáries dentárias é alarmante no mundo todo. Pergunto: Índios “totalmente selvagens” têm cárie?

Próximo ao centro do nosso cérebro, entre os dois hemisférios, encontra-se a “glândula pineal”, epífese neural, é uma glândula endócrina mínima em forma de uma pinha com cinco milímetros de diâmetro coberta por cristais de “apatita” que atuam como um piezelétrico, mais ou menos como um quartzo que vibra de acordo com as vibrações eletromagnéticas por ela atraídas em forma de frequência, age como um filtro. Promove o avanço do conhecimento para a manifestação da realidade. Ela trabalha com a pituitária para abrir a ponte entre o físico e não físico, entre cérebro e mente. Qualquer conhecimento que possamos acreditar pode tornar-se realidade. Ela faz isso interpretando a frequência do pensamento numa corrente elétrica bioquímica por todo o corpo e abrindo para a mente.

Nosso cérebro transforma os pensamentos que geramos em milhares de elementos bioquímicos a cada segundo, cada emoção que sentimos cada momento de alegria, de medo, produz uma enzima química específica formando um código. Algumas se transformam em trampolins, outras em obstruções, (medo, insegurança) e todas passam pela Pineal.  Estudos e investigações provam que o fluoreto de sódio é colocado em 90% do abastecimento de água do mundo. Pesquisas indicam que é a única substância que ataca a glândula pineal, além de ser predominante em alimentos e bebidas, no nosso banho e na água potável. Essa glândula é como um imã para o Flúor e nenhum filtro o extrai da água, só osmose reversa (tratamento por alta pressão) ou destilação de água o elimina (evaporação). Na verdade a sua finalidade é emburrecer as massas, literalmente.  Já foi usado pelos Nazistas e Russos em seus campos de concentração para tornar a população dócil e não questionar as autoridades. O flúor provoca a calcificação prematura da glândula Pineal reduzindo as funções entre o físico e intelecto do indivíduo, paralisando toda atividade de concentração, emoção ou reação diante dos fatos. Essa calcificação também é responsável pelo mal de Alzheimer e a demência.

Continuando, a glândula recebe essas frequências quimicamente, cada emoção, cada imagem é interpretada e classificada de acordo com a sua assinatura energética, quando o cérebro investiga o que é definido como real ou irreal, acreditável ou não acreditável.

No ano de 1999 os EUA e Rússia colocaram em ação um programa chamado “HAARP” (Programa de Pesquisa da Aurora Ativa de Alta Frequência).  Nós seres vivos somos programados para ressoar na mesma frequência natural da terra a fim de evoluir em harmonia com ela livre de doenças físicas e mentais.  Pesquisas provam que essa atividade eletromagnética de alta e baixa frequência aquece a ionosfera com grande intensidade, essa manipulação causou em 2010 a grande onda de calor na Rússia, inundações na China, maremoto na Indonésia e o terremoto no Japão na escala 9.0. Para que isso?  Presume-se que seja um ensaio para o extermínio em massa de milhões de pessoas e redução populacional programada.

Então, cientistas através da HAARP, criaram as ondas ELF de baixa e alta frequência que através de sua ininterrupta emissão atingem a glândula pineal já enfraquecida pelo constante e massivo uso do Flúor, alterando o comportamento e humor das pessoas. São ondas de rádio eletromagnéticas que ninguém pode ouvir, ver ou cheirar, controlam a mente das pessoas, transformando-as em escravos involuntários manipulando-os sem perceber, ou em outras experiências, induzindo pessoas a psicoses violentas. Esses desestabilizadores da mente afetam principalmente indivíduos de baixo equilíbrio mental, mas todas as pessoas são afetadas de algum modo, como por exemplo, o crescimento gigantesco da depressão no mundo.

As ondas ELF são programadas para atingirem a mente através da Pineal já enfraquecida pelo Flúor e causar diversas emoções, que são identificadas e transformadas em uma “impressão digital” através de uma ressonância específica onde são codificadas em um programa, armazenadas e no momento oportuno, enviadas subliminarmente a todo tipo de mídia de massas. Ex. criar apatia, docilidade, obediência, ódio e pensamentos de suicídio.

Pergunto: quantos casamentos e lares já foram destruídos, quantas carreiras arruinadas, quantos países democráticos socialistas desestabilizados? A elite capitalista aliada a políticos inescrupulosos estão se beneficiando desses recursos para atingir uma população fragilizada com pouca cultura e estabilidade mental.

Estamos vivendo esse fenômeno aqui no Brasil, onde a população está sendo usada como massa da manobra para interesses desses grupos aliados ao capital mundial, que prova o poder destrutivo dessas tecnologias. Já são milhões os afetados, sendo manipulados com grande facilidade e sendo subliminarmente controlados a cumprir ordens involuntariamente, são fiéis ao que defendem e acreditam que todo mal é para o seu bem, destilam ódio quando contrariados.

Pesquisas mostram que a glândula Pineal quando em constante atividade vibratória e em conexão com a mente, não é afetada pelo flúor. Isso significa que um indivíduo que está constantemente usando sua mente para opinar, participar de debates, estudar, lendo com frequência, envolvendo-se com toda espécie de manifestação artística, sempre terá a Pineal preservada e uma mente pura e saudável.

Vamos aos fatos.  Uma gentil senhora escreveu para o presidente da República uma carta onde relata preocupada e para o mesmo tomar cuidado por estar cercado de corruptos e traidores.  Isso demostra total desconexão com a realidade, fruto da informação ilusória sobre mentes fracas. As mentes das pessoas estão sendo modificadas e poucos percebem, mas basta observar os últimos acontecimentos, o grande empenho de cortes em investimentos na cultura, fechamento de universidades, escolas, eliminação de matérias que desenvolvem o senso crítico. Será tudo isso uma mera coincidência? Ou realmente nos querem transformar em zumbis obedientes e calmos, dopados e inertes diante uma tragédia programada. Se analisarmos por exemplo a revolução de 64, onde tivemos a tomada do poder pela força e truculência, mortes e perseguições. Por quê? Nessa época as pessoas tinham maior senso crítico e viviam dentro da realidade e reagiram. E em 2016? Nem parece que tivemos um golpe de Estado no país, tudo transcorreu na maior calmaria inclusive, as pessoas foram as ruas impulsionadas pela mídia exigindo isso, mas foi por vontade própria ou foram induzidos a aceitar de modo pacífico a perda de seus direitos?  Tire a sua conclusão, talvez lhe pareça mais uma teoria da conspiração, pesquise, analise os fatos e não acredite em qualquer coisa, porque já tinha ouvido. Não acredite em algo porque é falado por muitos. “Mas após observação e análise quando você achar que qualquer coisa está de acordo com a razão e o propício para o bem e benefício de um e todos, então aceite e viva de acordo com isso e seja feliz” – Buda

Sempre lembrando que já passamos dos sete bilhões de habitantes…

Imprimir

Compartilhe:

Foto de perfil de Flávio Luís Schnurr

Flávio Luís Schnurr

Descendente de pais russos; artista; escultor; designer e escritor. Procura viver dentro da realidade sem perder seus princípios de vida na mais absoluta verdade. Catarinense radicado em Curitiba há mais de 30 anos.

Pular para a barra de ferramentas